/ dicas

Bebendo de rios e riachos da natureza

Quem está acostumado, mesmo que esporadicamente, a caminhar pelas trilhas ou percursos mais protegidos já deve ter se deparado com córregos ou cursos de água natural.

Eu pessoalmente sempre achei o máximo poder tomar um "drink natural" diretamente usando apenas as mãos.

Também me lembro da vez em que acampei e estava empolgado para usar pela primeira vez meu cantil enchendo-o com água de um riacho na serra entre Nova Friburgo e Cachoeiras de Macacu.

O contato com água na natureza

Mas é seguro tomar água "in natura"?

Tomar água diretamente da natureza embora possa ser algo agradável e até mesmo idílico pode representar um risco em alguns cenários.

Por isso é fundamental prestar atenção antes de tomar.

Minha escolha pessoal é baseada em conteúdos online relacionados e também no que pessoas mais experientes dizem.

Nunca beba água de uma fonte natural que você não purificou, mesmo que a água pareça limpa.

A água em um riacho, rio ou lago pode parecer limpa, mas ainda pode estar cheia de bactérias, vírus e parasitas que podem resultar em doenças de veiculação hídrica, como criptosporidiose ou giardíase.

Orvalho nas folhas

Quando eu posso tomar água diretamente da natureza?

Se você for um privilegiado e chegar a nascente de um rio verá que a água saindo do solo é pura e cristalina então é bastante provável que seja potável.

Existem fontes onde a água  sai direto das pedras o que é também um bom sinal de potabilidade.

Mesmo assim o ideal é purificar, caso você não esteja 100% seguro de que a água é ideal para consumo.

Outra forma mais segura é tomar água da chuva que se acumula em plantas imediatamente após a precipitação ou captada com um recipiente limpo.

Motivos para não consumir água de Riachos ou Córregos

Estes são apenas alguns motivos para você considerar:

  • Poluição devido a presença humana na área
  • Fezes de animais na água a ser consumida
  • Possiveis animais mortos as margens do curso de água
  • Poluição por agrotóxicos e metais pesados

Considerando apenas esses motivos é muito recomendável que você leve sua água com você sempre que sair para caminhadas por exemplo.

Métodos de  purificação para água

Sempre carregue uma garrafa para coletar a água se você for fazer uma trilha ou caminhada. E já leve uma quantidade purificada desde casa.

Em cenários onde você precisa beber água diretamente da natureza é fundamental usar métodos comprovados de purificação.

Escolha uma fonte em um local longe da civilização para recolher a água. Fique super atento a todos o sinais de possível contaminação.

Cachoeira no Maciço do Caledônia

Pessoalmente eu acho o uso de hipoclorito de sódio um método seguro e acessível para a maioria das pessoas. É a famosa água sanitária.

Apenas 2 gotas por litro irão deixar a água segura para consumo após 30 minutos de espera.

O Iodo é outro potencial recurso que pode ser facilmente encontrado em farmácias sendo necessário, também, 2 gotas para cada litro de água, e deixe agir por 20 a 30 minutos.

Fever a água é sempre outra ótima opção para garantir que você não vá se contaminar. Se você estiver acampando essa é uma boa opção.

Importante ressalva relacionado ao tema

Neste artigo eu estou tratando de situações mais comuns como caminhadas, ou percursos como trilhas ou afins.

Em situações de extrema necessidade de sobrevivência a situação muda completamente e a pessoa pode ter que assumir mais riscos.

Sempre esteja preparado para consumir água de uma maneira segura.

Referências consultadas:
Serviço Nacional de Parques dos EUA
Secretaria de Saúde de São Paulo

Bebendo de rios e riachos da natureza
Compartilhe